Rui pediu que os gestores municipais elencassem os principais pontos e informou que vai começar a recuperação dos municípios pela reconstrução das casas e pela recuperação da infraestrutura de vias públicas (Foto: Divulgação)

Depois de cumprir agenda em sete cidades, o governador Rui Costa se reuniu, no fim da tarde desta quinta-feira (30), por videoconferência, com prefeitos e prefeitas dos municípios integrantes do Consórcio Público de Desenvolvimento Sustentável do Território de Identidade do Médio Sudoeste da Bahia (COTEMESB) e do Consórcio Intermunicipal do Sudoeste da Bahia (CISUDOESTE), que representam 21 cidades que sofrem as consequências das chuvas.

As prefeituras apresentaram as necessidades e dificuldades mais urgentes e receberam orientações sobre como obter apoio do Governo do Estado. Rui pediu que os gestores municipais elencassem os principais pontos e informou que vai começar a recuperação dos municípios pela reconstrução das casas e pela recuperação da infraestrutura de vias públicas.

“A primeira coisa que eu quero começar a fazer é a construção das casas e, paralelo a isso, a gente eleger quais são as infraestruturas fundamentais que precisam ser recuperadas primeiramente. Se caiu uma ponte dentro da cidade que liga a um bairro e esse bairro está isolado, isso é uma ponte prioritária. A gente tem que eleger prioridades e ir tocando. O que a gente não pode é ficar parado. E é bom que comece pelas casas. Se a gente começar, daqui há duas semanas, a fazer mutirão, vai ficar bom para todo mundo, principalmente para quem precisa”, afirmou o governador. Ele ainda anunciou que o governo adquiriu 100 máquinas que vão ajudar os consórcios a reconstruir as cidades.

Estiveram presentes representantes dos municípios de Barra do Choça, Boa Nova, Bom Jesus da Serra, Caatiba, Encruzilhada, Firmino Alves, Iguaí, Ibicuí, Itambé, Itarantim, Itororó, Macarani, Manoel Vitorino, Mirante, Nova Canaã, Planalto, Poções, Potiraguá e Santa Cruz da Vitória.

Da equipe de governo participaram os secretários da Saúde, Tereza Paim; de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti; de Relações Institucionais, Luiz Caetano; e da Casa Civil, Carlos Mello; além do comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA), coronel Adson Marchesini; do superintendente de Proteção e Defesa Civil da Bahia, coronel Carlos Miguel de Almeida Filho; entre outros responsáveis por órgãos estaduais.

Tereza Paim passou orientações aos prefeitos sobre como solicitar recursos para a atenção básica em saúde a partir da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) e sobre como evitar a proliferação de doenças, como leptospirose e gripe. “É preciso ter cuidado com a água consumida. A água precisa ser engarrafada. Se tiver dificuldade, pode acionar a gente para isso também e ter cuidado, como o governador já falou, com colchão molhado, ao pisar na lama e tentar separar as pessoas doentes das outras para que as demais não adoeçam”, explicou.

Marcus Cavalcanti tratou de posicionamentos sobre a recuperação de estradas, andamentos de licitações e ordens de serviço. Tanto Luiz Caetano quanto Carlos Melo se colocaram à disposição dos prefeitos para qualquer necessidade que surja ao longo do feriado do Ano Novo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

um × três =