O Bolsa Presença faz parte do Programa Estado Solidário do Governo da Bahia

O Governo do Estado disponibilizou, nesta sexta-feira (10), o novo crédito do Programa Bolsa Presença destinado às famílias dos estudantes da rede estadual cadastradas no CadÚnico e em condições de vulnerabilidade socioeconômica. O Bolsa Presença faz parte do Programa Estado Solidário do Governo da Bahia e tem o objetivo de contribuir para a permanência dos estudantes nas escolas. Com recursos que chegam a R$ 469 milhões, a previsão é de que o programa, que completou oito parcelas, em 2021, alcance 421.308 famílias e 528.213 estudantes.

Thaila Silva Cruz, 29, é uma das beneficiárias do Bolsa Presença. Ela estuda no Colégio Estadual Indígena Xucuru Kariri, na Educação de Jovens e Adultos (EJA), mora no Povoado Quixaba, no município de Glória, e tem um filho de nove anos. Ela falou sobre a importância da assistência financeira para ela e sua família. “O Bolsa Presença veio na hora certa. Os alimentos estão muito caros, mas consigo comprar o básico como arroz, feijão, açúcar, leite e óleo”.

O estudante Neemias da Cruz dos Santos, 15 anos, faz o 8º ano, no Colégio Estadual Professora Noêmia Rego, em Salvador. Ele mora no bairro da Valéria e também falou como o Bolsa Presença tem beneficiado a sua família. “Estamos em um momento difícil e o programa é uma ajuda muito boa que tem dado um suporte para minha família e outras que estão passando por necessidades. Esse dinheiro serve para comprarmos alimentos e tem ajudado bastante“.

A concessão do Bolsa Presença está vinculada à assiduidade nas aulas ministradas pela unidade escolar onde o aluno esteja matriculado; à participação obrigatória dos alunos nas avaliações de aprendizagem promovidas pela unidade escolar, visando orientar o acompanhamento pedagógico; e à manutenção dos dados cadastrais atualizados na unidade escolar e de sua família no CadÚnico.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

3 × 3 =