Dona da Penalty, Cambuci SA avança 82,7% em receita líquida no terceiro trimestre de 2021

Lucro, desconsiderando os eventos não recorrentes, foi de R$ 10,5 milhões no 3T21 (Fotos: Divulgação)

A Cambuci SA, detentora das marcas Penalty e Stadium, registrou balanço positivo no terceiro trimestre de 2021, com avanço de 82,7% na receita líquida no comparativo com o mesmo período de 2020. O lucro, desconsiderando os eventos não recorrentes, foi de R$ 10,5 milhões no 3T21 versus prejuízo de R$ 2,8 milhões no 3T20, decorrente do auge da pandemia da Covid-19. Quando comparados à receita do terceiro trimestre de 2019, ou seja, ao período que antecede a crise gerada com a pandemia, os resultados mais uma vez são positivos, de avanço de 13,2%.

No atual período, a margem Ebitda foi de 25,1%. O Ebitda, que é o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, foi de R$ 17 milhões, o que representa aumento de 6,9% no comparativo da métrica com o terceiro trimestre do ano passado.

“A Penalty seguiu investindo em novos materiais e produtos durante a pandemia, mesmo com as possibilidades reduzidas, e comemora o retorno do crescimento após esse período desafiador. Esse contexto deixa claro que estamos adotando as medidas corretas no direcionamento da companhia. Temos que ressaltar que, além de superarmos o cenário de 2020, ultrapassamos 2019, que é uma base de comparação mais desafiadora, período que precedeu a pandemia”, destaca Roberto Estefano, fundador e presidente do Conselho Administrativo da Cambuci SA.

Empresa avança no mercado interno e externo

Com crescimento acelerado das vendas, a Cambuci SA tem ampliado a mão-de-obra, como pode ser visto no número de contratações de julho a setembro deste ano. Foram gerados 516 novos empregos no trimestre, concentrados nas unidades industriais da companhia, o que representa 33% da força de trabalho.

Outro destaque no período foi o trabalho com o mercado externo, uma vez que a companhia avança a atuação em outros países. Além disso, em agosto de 2021 foi anunciada a retomada da fabricação dos itens da Penalty na Argentina, após a suspensão de produção no país vizinho em 2018.

Estefano: “A Penalty seguiu investindo em novos materiais e produtos durante a pandemia, mesmo com as possibilidades reduzidas, e comemora o retorno do crescimento após esse período desafiador”

As perspectivas para o quarto trimestre de 2021 estão bastante positivas para a Cambuci SA, considerando o atual cenário do país diante do avanço da imunização e a consequente retomada da volta gradativa das atividades presenciais, como a volta das aulas, o retorno aos clubes recreativos e às práticas esportivas.

Ao mencionar como a empresa se diferencia no mercado, Estefano destaca o portfólio completo, sempre buscando inovar nos produtos, a exemplo do Max 1000, o primeiro tênis nacional de futsal feito com tecido ecológico, confeccionado com tecido obtido a partir da reciclagem de garrafas PET, lançado no trimestre em questão.

“Nosso portfólio conta com produtos modernos e tecnológicos, produzindo desejo e superando as expectativas dos nossos clientes e consumidores finais Além disso, garantimos atendimento total para nossos clientes, com velocidade de entrega e preços competitivos”, ressalta Estefano.

O presidente do Conselho Administrativo da Cambuci SA também relaciona os pontos positivos da companhia por contar com uma produção nacional. “Nossos concorrentes são muito dependentes de importações. O cenário de dólar alto e os custos logísticos elevados no exterior deve permanecer por um período mais longo do que o previsto inicialmente, nos trazendo vantagem competitiva adicional”, conclui Estefano.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

catorze + seis =