Estima-se que a comercialização futura da produção da soja baiana já ultrapassou 40% do volume esperado para a safra 2021/2022. O mercado deverá continuar aquecido, com as previsões climáticas estimulando o aumento da área a ser cultivada. Os dados são do 1° Levantamento da Safra de Grãos para o período, publicado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

A Conab estima a produção de soja na Bahia em 6,7 milhões de toneladas, em uma área cultivada de quase 1,8 milhão de hectares. Neste cenário, a produtividade média deve fechar o ciclo em 3.811 kg/ha. A soja deverá representar 61% da produção baiana, seguida pelo milho (27%) e pelo algodão (8%).

Na Bahia, apesar do regime de vazio sanitário, é permitido o plantio desde 1º de outubro para os produtores que realizarem a solicitação de antecipação, mediante cumprimento de medidas contra a ferrugem asiática.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

14 + oito =