Caixa abre concurso com 1.100 vagas para pessoas com deficiência

A remuneração inicial é de R$ 3.000,00; candidato deve ter nível médio de escolaridade (Foto: Marcelo Camargo)

Foi publicado nesta sexta-feira, 10, o edital do concurso da Caixa Econômica Federal com 1.100 vagas. Todas as oportunidades são para o cargo de técnico bancário, mas apenas para Pessoas com Deficiência (PcDs). Do total de vagas, mil são imediatas e 100 para o cadastro de reserva. Em ambos os casos, 20% das oportunidades são destinadas a pessoas negras ou pardas.

Os aprovados terão ganhos iniciais de R$3 mil, para jornada de 30 horas. Com os benefícios, no entanto, esse valor pode chegar a, aproximadamente, R$4.486,03. As inscrições para participar começam nesta sexta-feira (10) e vão até o dia 27 de setembro. Os interessados poderão realizar o cadastro no próprio  site da Fundação Cesgranrio, a banca examinadora responsável por organizar o concurso. Para concorrer, é preciso ter apenas o nível médio completo, além de se enquadar, legalmente, na condição de pessoa com deficiência.

O valor da taxa de inscrição está fixado em R$ 30,00. O edital completo pode ser acessado por  aqui.

Os candidatos do concurso Caixa 2021 serão avaliados em até cinco etapas, sendo elas: provas objetivas; redação; aferição da veracidade da autodeclaração prestada por candidatos pretos ou pardos; análise do laudo médico; e procedimentos admissionais. Para ser aprovado, será preciso obter 50% ou mais dos pontos tanto no conjunto da prova quanto em cada conhecimento (Básico e Específico).

Será considerado habilitado para a prova de redação somente quem estiver classificado, na objetiva, em uma posição que não ultrapasse o triplo do somatório do total de número de vagas e do número de cadastro de reserva.

A redação será composta por um texto dissertativo-argumentativo, com 100 pontos no total. Os aprovados, conforme os limites estabelecidos no edital, realizarão as demais etapas, sob responsabilidade da Caixa. Os exames objetivos vão abordar as seguintes disciplinas:

Conhecimentos Básicos

• Língua Portuguesa (dez questões, com valor de um ponto cada);

• Matemática Financeira (dez questões, com valor de um ponto cada); e

• Conhecimentos Bancários (dez questões, com valor de um ponto cada).

Conhecimentos Específicos

• Noções de Probabilidade e Estatística (cinco questões, com valor de um ponto cada);

• Conhecimentos de Informática (dez questões, com valor de um ponto cada); e

• Atendimento Bancário (15 questões, com valor de um ponto cada).

Para Daniel Lustosa, coordenador pedagógico do Alfacon Concursos, esse processo seletivo inicia a mudança do banco para soluções digitais, seguindo a tendência do mercado. Ele conta que a concorrência para as vagas, de início, pode assustar, mas isso é apenas reflexo do contexto atual do país. “Muitas das pessoas que se inscreveram às vezes vão tentar a sorte ou não estão há tanto tempo estudando. O desemprego e a grande quantidade de vagas ofertadas chamam a atenção de qualquer pessoa que queira estabilidade financeira em um momento como o nosso”, diz.

Distribuição das vagas

O candidato deverá optar por um polo (cidade) para fins de classificação e convocação e também para escolha da localidade de realização das provas. Esse polo está vinculado à respectiva Unidade da Federação. Veja abaixo a distribuição das vagas por UFs:

  • Acre: 9 imediatas
  • Alagoas: 12 imediatas
  • Amazonas: 28 imediatas e 5 para cadastro
  • Amapá: 6 imediatas
  • Bahia: 50 imediatas e 5 para cadastro
  • Ceará: 35 imediatas e 5 para cadastro
  • Distrito Federal: 70 imediatas e 5 para cadastro
  • Distrito Federal – Polo TI: 100 imediatas e 10 para cadastro
  • Espírito Santo: 10 imediatas
  • Goiás: 30 imediatas e 5 para cadastro
  • Maranhão: 10 imediatas
  • Minas Gerais: 50 imediatas e 5 para cadastro
  • Mato Grosso do Sul: 15 imediatas
  • Mato Grosso: 20 imediatas
  • Pará: 35 imediatas e 5 para cadastro
  • Paraíba: 6 imediatas
  • Pernambuco: 40 imediatas e 5 para cadastro
  • Piauí: 10 imediatas
  • Paraná: 35 imediatas e 5 para cadastro
  • Rio de Janeiro: 85 imediatas e 11 para cadastro
  • Rio Grande do Norte: 10 imediatas
  • Rondônia: 12 imediatas
  • Roraima: 6 imediatas
  • Rio Grande do Sul: 55 imediatas e 7 para cadastro
  • Sergipe: 42 imediatas e 5 para cadastro
  • Santa Catarina: 6 imediatas
  • São Paulo: 207 imediatas e 22 para cadastro
  • Tocantins: 6 imediatas

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

dois × cinco =