Startup de vinho cresce 200% no primeiro semestre do ano

Produzidas em vinícolas da Serra Gaúcha, foram vendidas mais de 50 mil caixas da Fabenne (Fotos: Divulgação)

O consumo de vinho no Brasil vem aumentando a cada ano. Segundo dados da Ideal Consulting, o país fechou o primeiro semestre de 2021 com alta de 4%, em relação ao mesmo período do ano passado no que diz respeito à soma do volume de vinhos importados e comercializados pelas vinícolas brasileiras. Acima da expansão vivenciada pelo mercado nacional, a Fabenne  – primeira startup de vinhos bag-in-box do Brasil –  cresceu 200% no primeiro semestre de 2021, quando comparado aos seis primeiros meses de 2020 e atingindo R$ 4 milhões de faturamento.

Produzidas em vinícolas da Serra Gaúcha, foram vendidas mais de 50 mil caixas da Fabenne, que representam 150 mil litros de vinho, quantia equivalente a 1 milhão de taças. Refletindo o momento de ampliação da marca, o semestre foi marcado pelo lançamento, no mês de maio, da linha Seleção Especial com os varietais Cabernet Sauvignon, Malbec e Chardonnay, que complementam o portfólio com os outros vinhos – Cabernet Sauvignon, Moscato e Rosé – e acessórios oferecidos no e-commerce.

Adriano Santucci: “O mercado de vinhos no Brasil mostrou no ano passado que tem um potencial muito elástico de crescimento”

O modelo de negócios da startup permite crescimento robusto e constante: de 2019 para 2020, a Fabenne cresceu 315%. Os bags contém 3 litros de vinho, que permanecem em perfeito estado de conservação por 30 dias depois de aberto.

“O mercado de vinhos no Brasil mostrou no ano passado que tem um potencial muito elástico de crescimento. A Fabenne tem o seu papel no posicionamento do vinho em um território mais casual, gerando acesso para novos consumidores que ainda têm barreiras em relação ao preço e aos rituais impostos pela categoria e facilitando a vida de consumidores mais frequentes”, pontua Adriano Santucci, CEO e fundador da marca.

Além da missão de democratizar o acesso à bebida no Brasil, a startup surgiu também ligada aos valores familiares, representados pela Nonna, o ícone da marca. Assim, a Fabenne inaugurou uma frente social em julho de 2021 e doa R﹩0,50 por pedido feito no site para um dentre inicialmente três lares de idosos que o cliente poderá escolher no momento da compra.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

cinco × dois =