Ambipar completa um ano de IPO e tem valorização superior a 50%

Em um ano de capital aberto, companhia realizou 17 aquisições e entregou mais do que esperado pelo mercado

A Ambipar, líder em gestão ambiental, completa um ano da abertura de capital. A companhia foi a primeira empresa do setor a entrar na B3 e registrou uma das ofertas públicas iniciais (IPO) de maior demanda da história do Brasil, com procura superior a doze vezes pelos investidores. O valor levantado foi R$1,1 bilhão. Após um ano do IPO, a empresa se valorizou mais de 50%, fruto da entrega ser maior do que o esperado pelos acionistas.

Na abertura de capital, a Ambipar já tinha como estratégia o plano de expansão global a partir de crescimento orgânico e aquisições. Ao longo de um ano, foram 17 transações realizadas com intuito de aumentar o portfólio de serviços ou ampliar / reforçar a presença geográfica. Os M&A’s foram realizados no Brasil, América Latina, América do Norte e Europa que fizeram a Ambipar dobrar de tamanho. Até o momento R$1,4 bilhão foi comprometido em aquisições de empresas com total sinergia aos negócios.

Somente nas últimas duas semanas de junho foram feitas cinco M&As estratégicos totalmente focados no segmento Environment. Foram quatro aquisições no Brasil, da Boomera, Centro Oeste Resíduos, Metal Ar Engenharia e Ecológica Nordeste, com o objetivo de reforçar a capilaridade no Brasil. A compra de 100% da Disal Ambiental levou os serviços de gestão ambiental da Ambipar para o exterior, chegando ao Chile, Peru e Paraguai.

Já no segmento Response, foram quatro aquisições nas duas primeiras semanas de julho. Uma delas foi os 50% remanescentes da Suatrans Chile e o fortalecimento da presença geográfica na Colombia a partir da SABITech. Já na América do Norte, a Ambipar chegou a 10 estados nos Estados Unidos com a compra da EMS Environmental e Swat Consulting. Desde o IPO, foram nove aquisições, permitindo a expansão na América do Norte, América do Sul e Europa.

Segundo Fábio Castro, o desempenho da companhia em um ano de IPO é totalmente positivo

Segundo o diretor de Relações com Investidores da Ambipar, Fábio Castro, o desempenho da companhia em um ano de IPO é totalmente positivo, refletindo as entregas pelas conquistas e estratégias de negócios que alavancaram as ações da empresa ao longo desse período.

“Em um ano de IPO, cumprimos com as estratégias definidas, conquistando capilaridade na América do Norte, América do Sul e Europa, chegamos a 17 países e registramos resultados financeiros positivos e crescentes. Já falávamos há algum tempo que a empresa tinha potencial de crescimento e as ações seriam valorizadas. Hoje vemos o resultado do trabalho ao longo desse primeiro ano com capital aberto”.

De acordo com Fábio Castro, a tendência para o futuro é continuar com o plano estratégico de crescimento orgânico e inorgânico, principalmente no segmento Response, mas também adquirir empresas com serviços de gestão ambiental sinérgicos ao da Ambipar. Além disso, o crescimento orgânico continuará a ser um dos principais focos da companhia, a fim de ser referência global não só em reposta a emergências, mas também em gestão ambiental.

“Pretendemos fazer outras aquisições estratégicas para expandir ainda mais a Companhia. A tendência é que a Ambipar continue crescendo, só que agora de forma mais acelerada, maximizando margens e retorno”, explica o RI.

Sobre a Ambipar

Com sede em Nova Odessa, SP, a Ambipar é uma multinacional brasileira, com presença em 17 países da América do Sul, Europa, África, América do Norte e Antártida. Formada pela Ambipar Environment e Ambipar Response, dois segmentos de referência no mercado de gestão ambiental, tem em seu DNA o comprometimento com as questões sustentáveis, trabalhando os Pilares ESG dentro de seus negócios e apoiando seus clientes.

A Ambipar abriu capital em julho de 2020. Foi a primeira empresa de gestão ambiental a entrar na B3, a bolsa de valores do Brasil. Iniciou seu plano de expansão global antes mesmo do IPO e, desde então, busca crescimento orgânico e através de M&A. Após a abertura de capital, já foram 17 companhias adquiridas nos segmentos de Environment e Response. Também adquiriu dois negócios na área de software, reforçando sua atuação na gestão ambiental, garantindo um compliance efetivo, contando com tecnologia e inteligência artificial.

Com diversas patentes registradas de produtos sustentáveis, promove a economia circular e auxilia empresas com a destinação correta de seus resíduos através do setor de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I). Dentre as principais inovações destacam-se o Ecosolo um condicionador de solo produzido através de resíduos orgânicos e o Ecobase, base para estradas e artefatos cimentícios para construção civil utilizando resíduos minerais oriundos da indústria de papel e celulose, bem como o Collagen sabonete desenvolvido a base de colágeno do setor fármaco.

Possui diversas certificações, dentre elas a ISO (9001, 14001, 45001, 22320), Sistema de Avaliação de Saúde, Segurança, Meio Ambiente e Qualidade (SASSMAQ) e segue os indicadores GRI (Global Reporting Initiative). Além disso, conquistou a certificação Together for Sustainability (TFS), participa do CEBDS (Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável), entre outras. A organização é signatária do Pacto Global.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

quatro × quatro =