A expectativa pela chegada da tecnologia 5G é algo que só cresce em todo o Brasil (Foto: Unsplash)

O tema tecnologia 5G é algo que vem se arrastando desde 2019, quando a novidade começou a ser disponibilizada em algumas partes do mundo. Essa internet mais veloz, e que deve superar em 20 vezes as tecnologias anteriores, promete causar um grande impacto no consumo de internet do baiano e de todos os brasileiros. O consumo de conteúdos no formato de vídeos é o que mais deve crescer, principalmente com o crescimento que as redes sociais conseguiram nos últimos dois anos.

Alguns números da 5G mostram que a tecnologia vai causar um grande impacto na velocidade de conexão das pessoas. Essa maior capacidade promete fazer com que o consumo de conteúdos maiores, como os vídeos, fique mais rápido e fácil.

Segundo pesquisa divulgada pela Kantar Ibope Media, os vídeos já estão passando por uma tendência de crescimento desde o ano passado: cerca de 68% dos usuários de internet assistiram algum vídeo nas plataformas de streaming gratuitas, como o YouTube e a TwitchTV, de janeiro a dezembro. Ou seja, é um formato em alta, e que deve ficar ainda mais positivo no futuro.

Outro aspecto importante é que uma internet mais veloz também auxilia os criadores de conteúdo. Afinal, muitos usuários se utilizam de ferramentas virtuais para a criação e edição de vídeos. É o caso, por exemplo, do editor de vídeos da InVideo, que é um software online e totalmente gratuito. Ele é direcionado para quem deseja criar e editar conteúdos para as redes sociais mais populares, como o Instagram e o Facebook, em poucos minutos. Com uma biblioteca de filtros, modelos e transições de cenas, a ferramenta ficará ainda mais eficiente em uma conexão de alta velocidade.

Entretanto, para ver isso acontecer, será preciso esperar até 2022. Esse foi o prazo final fornecido pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), como mostramos em reportagem recente, para que todas as capitais brasileiras, inclusive Salvador, tenham acesso à tecnologia 5G. Na Bahia, a empresa TIM começou a oferecer o serviço 5G DSS, que é uma pequena amostra dessa nova velocidade que chegará ao país.

Aumento das redes sociais

O maior foco dos vídeos nas redes sociais se deve pelo sucesso que essas plataformas possuem no Brasil, principalmente nos últimos anos. Segundo pesquisa da empresa Statista, essas mídias digitais ultrapassaram a marca dos 140 milhões de brasileiros ativos durante o ano passado.

Ou seja, o crescimento foi de quase 60% em comparação com o mesmo período em 2019. As plataformas que mais se destacaram neste estudo foram justamente as que abriram portas para o conteúdo em formato de vídeo.

Esse foi o caso do Instagram, que investiu no Reels e no IGTV para deixar de ser uma rede social focada em fotos e se transformar em um excelente local para compartilhar vídeos. Outra plataforma em destaque foi o TikTok, que deve ultrapassar a marca dos 10 milhões de usuários no Brasil até o final do ano. Além disso, é impossível deixar de fora o sucesso do YouTube, que recentemente lançou a ferramenta Shorts para concorrer contra essas duas redes sociais que citamos.

A expectativa pela chegada da tecnologia 5G é algo que só cresce em todo o Brasil, inclusive aqui na Bahia. A chegada do serviço 5G DSS, que não possui nem 50% da velocidade da tecnologia total, já alimenta um pouco do imaginário baiano.

Até 2022, várias cidades devem conseguir essa nova internet, e isso vai abrir ainda mais possibilidades para criar, consumir e compartilhar conteúdos em formato de vídeo sem qualquer restrição. Afinal, com uma boa conexão, até mesmo os vídeos de alta qualidade e longos serão fáceis de carregar.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

um × quatro =