A Coelba, distribuidora da Neoenergia, e o Shopping da Bahia inauguraram, nesta quinta-feira (20), dois pontos de recarga de veículos elétricos. Instalados no centro de compras, os equipamentos integram o Corredor Verde, primeira eletrovia do Norte/Nordeste do Brasil e vai ligar Salvador a Natal.

A via de mobilidade elétrica desenvolvida pela Neoenergia vai permitir aos motoristas de carros movidos a eletricidade se deslocarem por seis estados nordestinos: Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte. O projeto sustentável estimula a descarbonização da economia, com o uso de automóveis que utilizam fontes renováveis de energia.

Os dois pontos de recarga instalados no Shopping da Bahia são do tipo Wallbox e possuem carga média, com capacidade para um veículo por vez, com conector AC Tipo 2 (mais comum entre as opções disponíveis no mercado). Neste primeiro momento, as estações de abastecimento de veículos elétricos no shopping funcionarão de forma gratuita. A intenção é aproveitar este início para divulgar o espaço e apresentar esta nova possibilidade de recarga para os proprietários de carros elétricos.

“Em toda a nossa história, sempre fomos pioneiros e inovadores. Atualmente, essas características estão diretamente ligadas não só a jornada de consumo dos clientes, mas, principalmente, a como seremos cada vez mais responsáveis e sustentáveis. Ser o ponto de partida da primeira eletrovia do Norte-Nordeste é um orgulho para nós e mais um passo para mantermos a relevância do nosso equipamento para a sociedade baiana”, afirma Wilton Oliveira, superintendente do Shopping da Bahia.

“O Corredor Verde da Neoenergia é uma iniciativa inovadora de estímulo à sustentabilidade. O projeto oferece à sociedade uma alternativa possível para contribuir com o combate às mudanças climáticas. Incentivar a mobilidade elétrica significa reduzir a emissão de gases de efeito estufa por meio da descarbonização da frota de veículos”, declara o gerente de Pesquisa e Desenvolvimento da Coelba/Neoenergia, José Brito.

Pontos em shoppings têm como finalidade atender quem trafega normalmente nas áreas urbanas (Fotos: Anselmo Garrido)

Corredor Verde

No total, o Corredor Verde contará com 18 pontos de recarga. Doze estarão ao longo das vias que conectam os seis estados no formato SuperChargers, o que permite uma carga rápida, cerca de 30 minutos. Além do Shopping da Bahia, outros eletropostos serão instalados em centros de compras de Recife e Natal, áreas de concessões das distribuidoras da Neoenergia, Celpe e Cosern, respectivamente.

Os pontos em shoppings têm como finalidade atender quem trafega normalmente nas áreas urbanas das três capitais, como também as pessoas que estão em viagem e querem aproveitar para abastecer o veículo enquanto realizam alguma compra ou refeição.

Outros pontos do Corredor Verde estão próximos de serem inaugurados nos seis estados. Na Bahia, estão prontas as duas unidades do Senai Cimatec, as unidades da Praia do Forte e a da Linha Verde, na BA093 (Massarandupió). Em Feira de Santana, o local ainda está sendo definido para futura instalação. Em Sergipe, já está pronto para ser utilizado o ponto do município de Estância.

Os locais de abastecimento em Alagoas (Porto Real de Colégio e Rio Largo), Pernambuco (Escada e Jaboatão dos Guararapes), Paraíba (João Pessoa) e no Rio Grande do Norte (Parnamirim), devem ser finalizados nas próximas semanas e serão entregues gradualmente até o final do primeiro semestre de 2021.

Após concluído, o Corredor Verde terá 1.200 quilômetros de extensão, cortará seis dos nove estados do Nordeste, passando por 70 municípios e contribuindo para que milhares de pessoas possam aderir à mobilidade elétrica de forma mais sustentável.

Além do benefício ambiental, o carro movido a eletricidade possui outras vantagens, a exemplo da eficiência. O veículo elétrico roda 100 quilômetros por um valor menor quando comparado a outros combustíveis. Evita a poluição sonora, pois não emite sons, e pode ser mais prático, já que o motor elétrico possui menos peças e ocupa um espaço menor no carro. Todos esses fatores combinados contribuem no estímulo à consciência ecológica e no investimento em iniciativas ‘verdes’.

O Corredor Verde é resultado de um projeto de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), e faz parte do Programa de Mobilidade Elétrica da Neoenergia, que integra planos da companhia em investir no estímulo de utilização de veículos elétricos e no processo de descarbonização da economia. O projeto também está alinhado com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) propostos pela ONU. Dentre os ODS, a companhia tem especial foco no número 7, voltado a levar energia acessível e limpa para todos e o ODS 13, que busca tomar medidas urgentes para combater a mudança climática e seus impactos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

16 − 14 =