Turismo tem forte queda na Bahia com avanço de pandemia

Setor de turismo amargou uma queda de mais de 27% em março passado no estado (Foto: Carol Garcia/GOVBA)

Em março, as atividades de serviços ligadas ao turismo recuaram fortemente em todos os 12 estados onde esse agregado é investigado separadamente pelo IBGE. Na Bahia, as quedas foram de 27,3% frente a fevereiro/20 e de 27,6% na comparação com março/19.

Foram as maiores quedas das atividades turísticas no estado, em ambas as comparações, considerando-se todos os meses da série histórica da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), iniciada em 2012.

Ainda assim, o desempenho na Bahia ficou acima do verificado no país como um todo. Em março, o volume dos serviços turísticos no Brasil caiu 30% frente a fevereiro e 28,2% frente a março de 2019.

Com o resultado de março, os serviços ligados ao turismo na Bahia passaram a acumular queda de 5,3% no primeiro trimestre de 2020, após terem fechado os dois principais meses do verão (janeiro e fevereiro) com uma alta de 4,4% nessa comparação. O resultado está acima do nacional (-6,2%).

Já nos 12 meses encerrados em março, os serviços turísticos baianos ainda seguem com uma discreta variação positiva (0,1%), um pouco menor que a média nacional (0,3%).

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

três × 4 =