General Motors inaugura nova linha de motores em Joinville

Investimento para implementação de novas tecnologias, ampliação de área e capacidade produtiva foi da ordem de R$ 1,9 bilhão

Com investimento de R$ 1,9 bilhão em novas tecnologias e edificações, a nova linha de motores da fábrica da General Motors de Joinville (SC) foi inaugurada nesta terça-feira (22) em cerimônia que também marcou a entrega da sexta edição do Prêmio GM de Sustentabilidade.

“A fábrica de Joinville, que já era uma das mais modernas e sustentáveis da região e do mundo, agora é uma das operações de sistemas de propulsão com maior nível de automação. Isto foi viabilizado com os investimentos recentes”, revelou Marcos Munhoz, vice-presidente da GM América do Sul.

Manufatura 4.0

Muitos processos da nova linha de motores da fábrica de Joinville da GM possuem nível de automação da indústria 4.0. “Temos, por exemplo, empilhadeiras autoguiadas realizando o abastecimento de componentes usinados e motores finalizados. Cerca de 20% da nossa frota de empilhadeiras são autônomas e as demais são equipadas com uso eficiente de energia limpa”, comenta Luiz Fernando Duccini, gerente geral da fábrica de Joinville.

Além disso, os dispositivos de automação da linha de montagem e usinagem de componentes escaneiam o código de cada peça e selecionam automaticamente o programa correto para fabricar aquele tipo de motor e ajustam os parâmetros de manufatura quando necessário.

Entre os avanços tecnológicos implementados na fábrica está o monitoramento de consumo de utilidades de água, ar comprimido e energia por linha e processo produtivo, tanto no setor de usinagem de componentes, como na linha de montagem de motores.

“Esse controle tão preciso permite que consigamos nos tornar ainda mais eficientes ao medir os consumos de utilidades por unidade produzida e os impactos de cada processo, assim podemos atuar mais focados ainda também na sustentabilidade”, afirmou Duccini.

A nova linha produz os inovadores motores 1.0 turbo e aspirado de três cilindros do Novo Onix e do Novo Onix Plus fabricados em Gravataí (RS).

A unidade de Joinville conta com 90 robôs operando um sistema integrado e inteligente onde todas as peças são monitoradas pelo seu número serial, permitindo registrar dados importantes de manufatura e qualidade.

“Isso significa que podemos realizar o rastreamento de todas as peças de qualquer motor em tempo real, o que garante muito mais qualidade e precisão ao processo de fabricação”, explica o gerente geral da fábrica. Com a nova linha, a capacidade produtiva da fábrica passa de 174 mil motores por ano para 410 mil unidades.

Sustentabilidade 

A GM tem em Joinville  uma das fábricas mais sustentáveis do mundo. A unidade foi a primeira a implantar um conjunto de sistemas pioneiros na área de eficiência energética e proteção ao meio ambiente, com destaque para a energia fotovoltaica – gerada a partir da luz do sol, reciclagem de água industrial por meio de osmose reversa e tratamento inédito de efluentes e esgotos por meio de jardins filtrantes.

A unidade também possui 100% dos resíduos industriais reciclados (zero aterro). Pelo programa “Zero Aterro” todos os resíduos do processo produtivo são reutilizados, reciclados ou coprocessados. Mesma prática foi adotada no recebimento de 512 containers de equipamentos, que compõem a nova linha de usinagem e montagem recém-inaugurada para a fabricação dos motores turbo e aspirado do Novo Onix e Novo Onix Plus.

Todas essas tecnologias foram ampliadas no processo de expansão da fábrica. Outras iniciativas, como a troca de torres de resfriamento, o melhor direcionamento da água pluvial e a substituição dos carregadores de bateria, fizeram com que a fábrica se tornasse ainda mais eficiente, gerando redução do consumo de água equivalente ao gasto de 43 residências no período de um ano e de energia elétrica na ordem de 106 residências por ano.

Prêmio GM de Sustentabilidade 2019

A General Motors anunciou nesta terça-feira, dia 22 de outubro de 2019, os vencedores do Prêmio GM de Sustentabilidade entregue para Concessionárias, Fornecedores e Empregados. A cerimônia foi realizada na Fábrica de Joinville, em Santa Catarina, uma das mais sustentáveis do mundo.

A premiação reconhece as melhores práticas sustentáveis, que contribuem para realizar a visão de futuro da GM de zero acidente, zero emissão e zero congestionamento ao trazer desenvolvimento econômico, preservando os recursos ambientais e gerando meios para que se promova um melhor equilíbrio no desenvolvimento social. Na sua sexta edição, o tema do prêmio deste ano foi a reciclagem.

A concessionária vencedora foi a Uvel, de Santa Catarina, o fornecedor foi a Cooper Standard e a empregada foi a Clarice Damião, líder de grupo da fábrica de Joinville. O júri é composto pelo Comitê de Sustentabilidade da General Motors, seguindo os critérios como inovação e relevância para o negócio.

“É uma honra para mim estar presente aqui em uma das fábricas mais sustentáveis do mundo para reconhecer iniciativas de sustentabilidade que estão presentes em toda a nossa cadeia: desde os fornecedores, passando pelos nossos empregados, até chegarmos ao cliente final nas concessionárias. O tema deste ano é muito importante porque a questão do lixo é cada vez mais relevante e está muito em linha com as nossas práticas. Todas as nossas fábricas no Brasil são Zero Aterro e estamos caminhando para termos todas as nossas instalações da GM no mundo com essa certificação muito em breve”, comenta Marcos Munhoz, vice-presidente da GM América do Sul e Presidente do Comitê de Sustentabilidade.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

cinco × 4 =