Estudante baiana do Instituto TIM recebe Prêmio da ONU em Nova Iorque

AnnaLUísa é a primeira mulher brasileira a recebe a premiação internacional (Foto: Divulgação)

A estudante baiana Anna Luísa criadora do Aqualuz, startup formada no programa AWC do Instituto TIM, está em Nova Iorque para receber o Prêmio Jovens Campeões da Terra, da ONU. A baiana desenvolveu um sistema de filtragem baseado em luz solar para resolver a falta de acesso à água potável do semiárido. A premiação acontecerá na 74ª Sessão da Assembleia Geral da ONU, no dia 26 de setembro. Anna é a primeira mulher brasileira a recebe a premiação, e irá representar estudantes da América Latina.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

nove + 4 =