Lucro da Arena Fonte Nova teve alta de quase 80% no ano passado

Inaugurada em 2013, a Arena Fonte Nova é o principal equipamento multiuso da Bahia (Foto: David Campbell/Divulgação)

A Fonte Nova Negócios e Participações (FNP) registrou, no ano passado, um lucro líquido de R$32,602 milhões. O resultado representa uma alta de quase 80% em relação ao exercício de 2017 (R$ 18,214 milhões), de acordo com balanço divulgado neste final de semana pela empresa. A receita operacional líquida saltou de R$ 123,589 milhões, em 2017,  para R$131,705 milhões no  ano seguinte, num aumento de 6,56%.

De acordo com o balanço, no ano passado, a FNP operou 38 partidas de futebol, sendo cinco destas no Estádio de Pituaçu. Todos os jogos realizados tiveram como mandante o Bahia, em competições oficiais. A média de público foi 16.859 torcedores por jogo.

Além disso, foram realizados 71 eventos não esportivos na Arena, como o show de Roger Waters, a Campus Party e o Festival de Verão. A ocupação média anual entre eventos esportivos e não esportivos foi de 1 evento a cada 3,3 dias.

“O planejamento da FNP para 2019 é de qualificar ainda mais os eventos realizados na Arena, no sentido de potencializar os impactos positivos da concessão no desenvolvimento econômico e social da cidade de Salvador e do Estado da Bahia, e dos resultados operacionais e financeiros do Projeto”, diz relatório de administração da FNP, que é controlada em conjunto pela Odebrecht Properties Parcerias S.A. (OPP) e pela OAS Arenas S.A. (OAS Arenas).

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

dez + 4 =