14 incorporadoras disputam a 24ª edição do Prêmio Ademi

Cunha: “As empresas reconhecem a importância do prêmio para o mercado imobiliário" (Foto: Divulgação)

O Prêmio Ademi-BA chega hoje à  sua 24ª edição com um total de 14 empresas na disputa.  O evento promovido pela  Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário da Bahia (Ademi-BA) vai reunir autoridades públicas, líderes do mercado imobiliário, acadêmicos, imprensa e influenciadores para consagrar os principais destaques da construção civil na Bahia. A cerimônia de entrega do prêmio acontece a partir das 19 horas, no Palácio da Aclamação.

Considerando a chancela e a importância do prêmio, quatorze empresas entraram na disputa alistando projetos de 12 empreendimentos. Para essa edição, a Ademi  criou seis categorias: Empresa do Ano, Lançamento Imobiliário, Empreendimento Residencial, Empreendimento Comercial, Loteamento/Urbanização e Habitação Econômica. Desse total, as duas categorias ‘Empresa do Ano’ e ‘Lançamento Imobiliário’ lideraram as inscrições com os trabalhos das empresas Prima, Tenda, Queiroz Galvão, Costa Andrade, JVF, MVL/Inova, GVF, Civil/Barcino, OR, DEC e MRV Engenharia.

Para Cláudio Cunha, presidente da Associação, a ação de reunir empresas que constroem para públicos diferentes numa mesma categoria reflete o esforço das incorporadoras de continuar oferecendo os melhores serviços para os consumidores e, além disso, traduz as oportunidades que começam a aparecer com o fim da ressaca econômica que eclodiu no Brasil em 2015.

“As empresas reconhecem a importância do Prêmio Ademi para o mercado imobiliário, bem como a exigência do público que deseja investir em um imóvel. Por isso, aumenta-se o padrão na construção civil e as estratégias para ser a melhor empresa do ano. Acredito que esses motivos estão potencializando a capacidade das empresas para continuarem oferecendo um serviço qualificado e mantendo o alto padrão de imagem”, explica Cunha.

Avaliação dos projetos

Entre os critérios de avaliação, estão as práticas de gestão sustentável, qualidade dos bens que produz, alvará Habite-se e o bom conceito no mercado, além de análises correspondentes a cada categoria, que também possui uma comissão julgadora exclusiva.

Composta pelo presidente do Prêmio, Antônio Medrado, o secretário municipal de Urbanismo de Salvador, José Sérgio de Sousa Guanabara, o presidente da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), Antônio Ricardo Alvarez Alban, o presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia (Crea-BA), Luís Edmundo Prado de Campos, e o presidente da Associação Brasileira de Agências de Publicidade Bahia (Abap-BA), Americo Neto, a Comissão vai avaliar cada categoria com notas de 5 a 10, sendo 5 o correspondente a “nada informado” e 10 como “excelente”.

“Estamos presenciando a retomada do crescimento do mercado imobiliário e uma melhoria significativa nas condições de financiamento. Isso tem feito com que o setor respire um novo momento e motive as empresas como um todo. O Prêmio  Ademi 2018 vem para consagrar esta fase, marcar um novo momento e trazer mais otimismo para o segmento”, afirma Antônio Medrado, vice-presidente da Ademi  e responsável pelo prêmio.

Resultado

Lacrados em envelopes individuais, os votos só serão apurados uma hora antes do início da cerimônia, ou seja, às 18 horas de quinta-feira. Em seguida, uma Comissão Certificadora, composta pelo presidente do prêmio, dois Conselheiros da Ademi -BA sorteados em reunião e quatro membros sorteados entre os associados vão divulgar os vencedores.

“O Prêmio Ademi -BA vem mais uma vez dar visibilidade aos projetos que se destacaram no setor, incentivando as empresas associadas a seguirem investindo em mudanças do cenário local e reaquecendo a economia. Ele é o ponto alto do trabalho que vem sendo realizado diariamente em busca do fortalecimento do mercado e desenvolvimento do estado”, conclui o presidente da Associação.

Empresas participantes

Prima, Tenda, Queiroz Galvão, Costa Andrade, JVF, MVL / Inova, GVF, Civil / Barcino, OR, DEC, MRV Engenharia, QGDI, Costa Andrade/Franisa, Civil.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

13 − um =