Capa > Economia Baiana > Recuperação da BA-555 leva desenvolvimento ao Vale do Jiquiriçá
Com a nova estrada, os pequenos agricultores podem levar seus produtos para serem comercializados nos centros urbanos maiores (Foto: Carol Garcia/GOVBA)
Com a nova estrada, os pequenos agricultores podem levar seus produtos para serem comercializados nos centros urbanos maiores (Foto: Carol Garcia/GOVBA)

Recuperação da BA-555 leva desenvolvimento ao Vale do Jiquiriçá

Cidade pequena, onde menos de cinco mil habitantes sobrevivem praticamente da cadeia produtiva da agricultura familiar, Lafaiete Coutinho, no Vale do Jiquiriçá, está ligada por uma nova estrada até o entroncamento com a BR-116. O governador Rui Costa entregou os 13 quilômetros da BA-555 completamente recuperados, na manhã desta segunda-feira (20).

Rui disse que foram investidos R$ 4 milhões para a recuperação da estrada porque a rodovia é importante para o desenvolvimento da cidade. “Eu tenho certeza que esse acesso traz tranqüilidade, conforto e segurança para a população”.

Rui disse que foram investidos R$ 4 milhões para a recuperação da estrada
Rui disse que foram investidos R$ 4 milhões na recuperação da  BA-555

O governador recebeu pedidos da prefeitura e a resposta veio na hora. “Podem fazer os projetos para a recuperação do entreposto da Polícia Militar, da delegacia e do galpão, para a implantação de um indústria, que nós vamos ajudar vocês. A Sudic [Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial do Estado da Bahia, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado] pode ter algum projeto pronto do tamanho que a empresa precisa. Também vamos assinar o convênio para a reforma e melhoria do Hospital de Jaguaquara”.

Quem precisa chegar rápido ao hospital Prado Valadares, em Jequié, o mais próximo de Lafaiete Coutinho, também não enfrenta mais pistas esburacadas. Motorista de ambulância, Luiz Carlos Lima diz que a nova estrada pode salvar vidas. “Para chegar ao Hospital Prado Valadares eu demorava 40 minutos. Agora, eu gasto menos de 20 minutos, do posto de saúde até o hospital. Esse tempo ganho na estrada pode salvar uma vida”.

Desenvolvimento econômico

Com a nova estrada, os pequenos agricultores podem levar seus produtos para serem comercializados nos centros urbanos maiores. Gerente de um supermercado, Anderson Brandão diz que, com os pequenos agricultores melhorando sua renda, circula mais dinheiro na cidade. “Com nova estrada, a economia toda melhora. Os comerciantes tinham despesa com manutenção de veículos. Os produtores também têm uma renda melhor e vêm comprar no comércio local. Então, a nova estrada é importante para todos nós”.

Edvandro de Jesus é responsável por uma loja de materiais de construção. “Com a nova estrada, melhorou para a gente vender para quem não mora no centro e melhorou para os produtos chegarem. São coisas pesadas, cimento, pisos, lajota, ferro. Então, os fornecedores reclamavam muito da estrada. Agora não reclamam mais. Chega tudo mais rápido”.

Share

Leia Também

A OGE recebeu a certificação NBR ISO 9001 nesta quarta-feira (6), em evento no auditório da Secretaria da Educação (Foto: Alberto Coutinho/GOVBA)

Ouvidoria Geral do Estado recebe a certificação ISO 9001

Em reconhecimento ao trabalho desenvolvido para estreitar o diálogo entre o Governo da Bahia e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − dois =

Share