Mensalidade do curso de Direito custa, em média, R$ 1.178

Direito é disparado o curso mais buscado pelos alunos que querem estudar com desconto (Foto: Marcelo Sant Anna/ Imprensa MG)

arte direitoO Brasil é um país grande, e isso leva à existência de muitas diferenças entre as regiões, e uma dessas diferenças é o custo de vida. Do preço do quilo do arroz até as mensalidades das faculdades, tudo é afetado. Para analisar as diferenças no ensino superior privado, o Quero Bolsa (https://querobolsa.com.br/), site de comparação de faculdades, mapeou o valor das mensalidades do curso de Direito em todo o País. Goiânia é a capital em que se pode estudar Direito pagando mais barato. Em média, o curso na capital de Goiás custa R$ 888. O valor é 38% menor do que na capital mais cara, que fica bem ao lado: em Brasília, capital do Distrito Federal, estudar Direito custa, em média, R$ 1.432. Em Salvador, o valor médio, fica R$ 1.178.

De acordo com o Panorama do Ensino Superior Privado no Brasil, realizado semestralmente pelo site, Direito é disparado o curso mais buscado pelos alunos que querem estudar com desconto. Sendo assim, o levantamento realizado conta com cursos presenciais de graduação em Direito nos turnos matutino e noturno, o que permitiu analisar diversos pontos sobre as diferenças.

Quanto custa estudar Direito no Brasil com bolsas de estudo?

Desde 2012, o Quero Bolsa oferece descontos de até 70% e já ajudou mais de 100 mil alunos a entrarem no ensino superior. Considerando as mensalidades do curso de Direito em São Paulo, o valor médio cai para R$ 620 com uma bolsa oferecida pelo site, enquanto o investimento médio da mensalidade sem desconto gira em torno de R$ 1.029. Ou seja, a média na capital paulista cai 40% quando consideramos os valores com bolsa. Isso mostra que, apesar de São Paulo não ter as mensalidades mais baratas do País, a cidade tem abertura para oferecer bolsas de estudos para universitários.

arte direito Segundo Pedro Balerine, Diretor de Inteligência de Mercado do Quero Bolsa, os descontos são importantes para ampliar o acesso dos alunos a cursos com custos mais altos e democratizar a educação. “Os cursos de Direito estão entre os mais caros em qualquer lugar do Brasil, raramente abaixo de mil reais por mês, assim como medicina, odontologia, arquitetura e engenharia. Com as bolsas disponibilizadas pelo portal Quero Bolsa, esse nobre curso torna-se uma opção viável para muitos estudantes, principalmente os mais sensíveis a preço”, explica.

Mesmo com bolsas, Brasília continua mantendo o posto de capital mais cara para estudar Direito. Com bolsas, a média das mensalidades cai de R$ 1.432 para R$ 999 no site.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

9 + quatro =