EAD Laureate oferece bolsa de estudo de 30% a professores

A Unifacs é integrante da rede internacional de universidades Laureate (Foto: Divulgação)

O EAD Laureate, visando valorizar e capacitar docentes para o mercado de trabalho, oferece bolsas de estudo de 30% em seus cursos, do início ao fim. Para garantir o benefício basta apresentar a carteira de trabalho ou o holerite em um dos polos de educação a distância da instituição.

Além de Licenciaturas em Letras e Pedagogia, os interessados podem escolher dentre os cursos de pós-graduação de Docência da Língua Inglesa, Docência na Educação Infantil, Docência no Ensino Superior, Língua Brasileira de Sinais – Libras, Metodologia do Ensino na Educação Superior, Psicopedagogia Educacional e MBA em Gestão Escolar. O benefício é válido para todos os cursos, exceto para Negócios Imobiliários, que já tem valor promocional com mensalidades de R$149.

Estes cursos fogem do habitual, pois, além da docência, trazem disciplinas e programas que visam capacitar o egresso para atuar em um mercado globalizado, em um currículo que contempla o empreendedorismo e inovação, favorecendo a atuação do profissional em diversas áreas educacionais. Eles possuem a mesma carga horária, conteúdo programático e diplomas dos cursos presenciais. “A universidade precisa estar sempre atenta ao que o mercado demanda para ofertar cursos que tenham conteúdo e desenvolvimento alinhados com a atualidade”, afirma a reitora do EAD Laureate, professora doutora Josiane Toneloto.

Conteúdo – Para garantir o aprendizado, a metodologia de ensino inovadora do EAD Laureate possui conteúdo desenvolvido com exclusividade na plataforma Blackboard, e materiais didáticos específicos para seus cursos, com cargas horárias iguais aos presenciais, sendo acessível por computadores, tablets ou smartphones.

A professora Fernanda Mendes Arantes, coordenadora dos cursos de Pedagogia e Letras do EAD Laureate, afirma que os cursos garantem a interdisciplinaridade e a inovação tecnológica, que contribuem para uma aprendizagem correlacionada com outros assuntos. “Nós partimos das premissas que o processo educativo a distância é mais que disponibilizar conteúdos digitais, que EAD sem metodologia de ensino não é EAD, e que em ambientes virtuais de aprendizagem o que faz diferença são as pessoas e de que maneira elas interagem com conteúdos, ferramentas e outras pessoas”, afirma a professora.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

5 × 5 =