Capa > Seu Negócio > Mini Bee lança loja virtual de roupas e acessórios infantis
minibe

Mini Bee lança loja virtual de roupas e acessórios infantis

Conhecida por oferecer delivery de roupas e acessórios para bebês até 18 meses por meio de malas personalizadas, a Mini Bee agora apresenta seu e-commerce (www.minibee.com.br). Enquanto a primeira opção de compra atende algumas regiões de São Paulo, os itens da loja virtual são entregues em todo o país. A ideia da empresa é se aproximar ainda mais dos papais que buscam comodidade, praticidade e estilo na hora das compras.

No endereço virtual, a Mini Bee disponibiliza mais de 200 itens distribuídos nas categorias recém-nascidos, vestuário, acessórios, passeio, alimentação, cultura e higiene. A empresa aposta em marcas conhecidas do mercado e que se destacam por aliar conforto e qualidade, como Skip Hop, Mam, Pistol Star, Gumii, Jardim Marco e Moccs. Até o final do ano, a loja pretende oferecer mais de mil produtos a seus clientes via web.

De acordo com Sabrina Neufeld, Diretora de Compras e Estilo, a escolha minuciosa das peças continua sendo o grande diferencial da empresa. “Vamos utilizar exatamente os mesmos critérios do serviço de delivery, que tanto encanta os nossos clientes, com produtos que fogem do convencional e agradam pais e filhos também pelo design exclusivo”, diz ela. Para Fabiano Bitencourt, Diretor de Operações e Expansão, a agilidade e o controle em tempo real em todas as etapas de venda serão os grandes desafios da nova plataforma. “Escolhemos modernos softwares de gestão e controle justamente pra ganharmos qualidade e tempo na entrega. Vamos acompanhar tudo bem de perto”, conta ele. Os itens levarão até três dias para chegar ao destino final.

Serviço de delivery – Apesar de expandir seus negócios para outras regiões, a Mini Bee continua apostando no serviço personalizado de delivery em algumas regiões de São Paulo (capital). Desde outubro de 2015, a empresa leva até a casa do cliente uma mala com produtos que vão desde charmosos babadores bandana até exclusivas diaper bags e livros infantis. Todo o contato é realizado via WhatsApp e e-mail e os itens são deixados na portaria e retirados 48h depois, tudo sem custo.

Após alguns dias, o comprador recebe um e-mail com o resumo do pedido e as possibilidades de pagamento. Para garantir segurança, a mala chega trancada no destino e só pode ser aberta por meio de um código pessoal – enviado no dia anterior por correio eletrônico. Além disso, a empresa mantém o projeto social Bee Good, no qual dá desconto para quem quer se desfazer de roupas em bom estado para serem entregues em instituições carentes.

Share

Leia Também

Deflação em outubro foi de 4,31% na comparação com o mesmo período do ano passado

E-commerce fatura R$ 21 bilhões no primeiro semestre

O e-commerce faturou R$ 21 bilhões no primeiro semestre de 2017, crescimento nominal de 7,5% …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × dois =

Share