Capa > Economia Brasileira > Fundo de Garantia fecha 2016 com o melhor resultado da história
Ronaldo Nogueira avaliou os números como consequência da “gestão responsável” do Conselho Curador  (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)
Ronaldo Nogueira avaliou os números como consequência da “gestão responsável” do Conselho Curador (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

Fundo de Garantia fecha 2016 com o melhor resultado da história

O FGTS fechou 2016 com o melhor resultado da história. O lucro do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço no ano passado foi de R$ 14,55 bilhões, o maior já registrado. Com isso, o Patrimônio Líquido do Fundo chegou a R$ 98,17 bilhões. Os números estão no Relatório de Gestão do FGTS, que será apresentado na reunião do Conselho Curador desta terça-feira (22), às 10h, em Brasília.

Esse mesmo relatório mostrou o resultado da repartição do lucro do ano passado, que designou R$ 7,27 bilhões, o que corresponde à metade do rendimento, para quem tinha contas com saldo em 31 de dezembro. A medida, resultado da Lei nº 13.446, de 25 de maio deste ano (http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2017/Lei/L13446.htm), fez com que a remuneração dos trabalhadores superasse a inflação anual pela primeira vez em nove anos. A última vez que a correção do FGTS tinha sido maior do que a inflação havia sido em 2007.

O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, que preside o Conselho Curador, avaliou esses números como consequência da “gestão responsável” do Conselho Curador e dos demais órgãos e entidades que gerem o FGTS. “O resultado de 2016 mostra que estamos administrando com seriedade os recursos do FGTS, o que permite remunerar devidamente os trabalhadores e também disponibilizar crédito para habitação, saneamento e infraestrutura do nosso país”, afirmou.

O FGTS é a maior fonte de financiamento em saneamento, habitação e infraestrutura do país. Em 2016, foram contratados R$ 81,48 bilhões, sendo que R$ 80,86 bilhões foram em habitação, principalmente para habitação popular. Em Saneamento foram contratados R$ 226,64 milhões e em Infraestrutura R$ 386,32 milhões.

FI-FGTS

O Fundo de Investimentos do FGTS (FI-FGTS) também bateu recorde em 2016, com lucro de R$ 2,63 bilhões. O dinheiro aplicado no FI, que financia grandes obras de infraestrutura como geração de energia, saneamento, ferrovias, rodovias e portos, cresceu 8,3% no ano. Foi o maior o maior rendimento desde a criação da operação, em 2007.

“Esse número do FI se deve a um trabalho sério de melhorias na governança do recurso. Novas medidas serão tomadas e, com isso, esperamos fazer mais vezes anúncios como esse”, explica o ministro.

Leia Também

Meirelles destacou que, entre abril e junho, foi registrado o segundo trimestre consecutivo de crescimento  (Foto: José Cruz/Agência Brasil)

“Entraremos em 2018 em ritmo forte e constante”, diz Meirelles

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse hoje (1º) que a retomada da atividade econômica …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − nove =