Capa > Negócios no Campo > Banco do Brasil lança o Plano Safra na Bahia na próxima terça
Em junho, Itaú Unibanco, Bradesco, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal detinham 78,65% de todas as operações de crédito
Em junho, Itaú Unibanco, Bradesco, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal detinham 78,65% de todas as operações de crédito

Banco do Brasil lança o Plano Safra na Bahia na próxima terça

Com a redução das taxas de juros em até dois pontos percentuais em relação ao biênio anterior (2016/2017), a superintendência do Banco do Brasil na Bahia lança, oficialmente, na próxima terça-feira (11), o Plano Safra da Agricultura Familiar no estado. O evento acontece às 10h, no edifício-sede do BB em Salvador, localizado na Rua Direta da Piedade, e vai contar com a presença de representantes do setor.

Principal fonte de incentivo ao produtor rural brasileiro, o programa do Governo Federal, agora plurianual (2017/2020), tem o objetivo de ajudar os agricultores a custear a safra e investir no aumento da produtividade, por meio de linhas de crédito com recursos controlados, livres e do BNDES. Ao todo são cerca de R$ 190 bilhões destinados ao custeio, comercialização e investimento.

De acordo com o superintendente estadual do BB, Carlos Motta, a grande novidade este ano é a redução das taxas de juros. “As linhas de custeio e investimento empresarial foram reduzidas em um ponto percentual. Já as dos programas voltados à armazenagem e inovação conheceram uma redução de dois pontos percentuais”, disse.

Ainda de acordo com Motta, os agricultores interessados já podem apresentar suas propostas nas agências do BB e contratar as operações com as novas condições para produtores rurais e cooperativas. “Os juros do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) permanecem baixos, variando entre 2,5% e 5,5% ao ano. Esse é um bom momento para o produtor poder investir”.

Share

Leia Também

Paulo Rabello de Castro disse que o banco pretende se aproximar das empresas de menor porte  (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)

BNDES prevê desembolsos abaixo de R$ 80 bilhões em 2017

O presidente do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Paulo Rabello de Castro, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 − 4 =

Share