Capa > Economia Baiana > Ultragaz monta base em Juazeiro e amplia distribuição
Com forte atuação na Bahia, sob a marca Brasilgás, a Ultragaz atende mais de 1,6 milhão no de domicílios no Estado
Com forte atuação na Bahia, sob a marca Brasilgás, a Ultragaz atende mais de 1,6 milhão no de domicílios no Estado

Ultragaz monta base em Juazeiro e amplia distribuição

A Ultragaz, pioneira no mercado de GLP no país, acaba de anunciar a ampliação de sua atuação no Brasil com a operação da Base de Juazeiro. A unidade atende aproximadamente 245 municípios, entre os estados da Bahia, Pernambuco, Maranhão e Piauí. Com 14 mil metros quadrados, a base terá capacidade produtiva estendida para 4.300 toneladas de GLP, contribuindo para o desenvolvimento econômico e social da região e, principalmente, melhorando a eficiência de distribuição local.

Com forte atuação na Bahia, sob a marca Brasilgás, a Ultragaz atende mais de 1,6 milhão no de domicílios no Estado, onde também atua em importantes causas sociais colaborando intensamente para o desenvolvimento da comunidade. “O investimento representa novos empregos e oportunidades para todos”, afirmou Pedro Jorge Filho, diretor-superintendente da Ultragaz. “Continuamos fiéis ao nosso compromisso em fazer melhor. E isso, significa prestar cada vez melhores serviços aos nossos consumidores”, concluiu Pedro.

Sobre a Ultragaz

Primeira empresa de GLP engarrafado, e pioneira na venda a granel, a Companhia Ultragaz possui 17 bases de engarrafamento e outras 21 de estocagem e distribuição espalhadas por todo o Brasil, responsáveis pelo fornecimento de mais de 1,7 milhão de toneladas de GLP para mais de 11 milhões de domicílios e cerca de 50 mil clientes empresariais. Sua rede de Revendedores conta com cerca de 5 mil lojas.

A Ultragaz também faz parte do Ultra, um dos maiores grupos empresariais brasileiros com atuação nos segmentos de distribuição de combustíveis por meio da Ipiranga, na indústria de especialidades químicas com a Oxiteno, no segmento de armazenagem para granéis líquidos por meio da Ultracargo e no setor de varejo farmacêutico por meio da Extrafarma.

Leia Também

Para o consumidor final,   a companhia estima que o preço do botijão de GLP P-13 pode ser reajustado, em média, em 4,2% ou cerca de R$ 2,44 por botijão  (Foto: Pedro Ventura/ Agência Brasília)

Petrobras anuncia reajuste de 12,2% no preço do gás de cozinha

O Grupo Executivo de Mercado e Preços (Gemp) da Petrobras avaliou ontem o reajuste do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − nove =