Capa > Economia Baiana > Ford abre laboratório de análise de matéria-primas plásticas
A equipe do setor é formada por profissionais especialistas na avaliação de propriedades como deformação, resistência, contaminação, dureza e elasticidade dos polímeros (Foto: Divulgação/Ford)
A equipe do setor é formada por profissionais especialistas na avaliação de propriedades como deformação, resistência, contaminação, dureza e elasticidade dos polímeros (Foto: Divulgação/Ford)

Ford abre laboratório de análise de matéria-primas plásticas

A Ford colocou em operação na fábrica de Camaçari, na Bahia, o seu laboratório de polímeros, materiais que compõem várias peças plásticas aplicadas em veículos. Primeiro da marca na América do Sul, esse centro de análise é muito importante, considerando que essas matérias-primas estão presentes hoje em cerca de 60% do número de peças usadas nos carros.
Até então, essas análises eram feitas por parceiros, como o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT), seguindo os padrões globais de qualidade da marca.

Fazem parte da categoria de polímeros materiais como o polipropileno, o polietileno de alta e baixa densidade, os acrílicos e o ABS, que são objeto de constantes pesquisas. As principais características buscadas no desenvolvimento desses compostos são a redução de peso, a durabilidade, o aumento do conteúdo reciclado e o menor custo, além de aspectos como a aparência em itens de acabamento.

“O laboratório de polímeros reforça a nossa estrutura para garantir a qualidade, confiabilidade e robustez de componentes que são usados em vários sistemas dos veículos”, diz Cristiane Gonçalves, supervisora de Engenharia de Materiais da Ford.

A instalação – O novo laboratório está instalado no centro de desenvolvimento do produto da Ford na fábrica de Camaçari, na Bahia. Seus equipamentos incluem máquina de ensaio de índice de fluidez e microscópio estereoscópico, que permite uma análise binocular em profundidade da composição dos materiais. A equipe do setor é formada por profissionais especialistas na avaliação de propriedades como deformação, resistência, contaminação, dureza e elasticidade dos polímeros.

Com a instalação, a Ford ganha agilidade na certificação de novos materiais plásticos desenvolvidos por fornecedores e passa a liderar toda a cadeia técnica e logística de testes na área.

Leia Também

Logo Ford

Ford Fund seleciona startups para apoiar projetos de mobilidade

O Ford Fund, braço filantrópico da Ford, e a Artemisia, aceleradora de negócios, vão selecionar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × três =