Capa > Economia Brasileira > Projetos inovadores contarão com até R$ 20 milhões do Sebrae
Afif:  "O Refis foi aprovado com ampla maioria. O veto não é por questões políticas, mas um veto por questões técnicas"  (Foto: Valter Campanato/AG.Brasil)
Afif: "O Refis foi aprovado com ampla maioria. O veto não é por questões políticas, mas um veto por questões técnicas" (Foto: Valter Campanato/AG.Brasil)

Projetos inovadores contarão com até R$ 20 milhões do Sebrae

Micro e pequenas empresas com uma ideia de produto inovador podem ter a grande chance de colocá-lo no mercado. Estão abertas as inscrições para o Edital Sebrae de Inovação, que vai distribuir R$ 20 milhões em dois anos. “A ideia está na cabeça, não no bolso. Por isso, temos que incentivar esse pequeno empreendedor que inova, pois o grande já compra pronto”, afirma o presidente do Sebrae Nacional, Guilherme Afif Domingos.

O apoio do Edital Sebrae de Inovação (www.sebrae.com.br/editaldeinovacao) será dividido em duas modalidades: Desenvolvimento Tecnológico e Encadeamento Tecnológico. No primeiro caso, além de aplicativos e jogos, encaixam-se iniciativas como a criação de cosméticos com o uso de nanopartículas, entre outras; para Encadeamento Tecnológico, a ideia é desenvolver algo a ser utilizado em uma grande empresa, por exemplo, um sistema eletrônico para carros a ser aproveitado pela indústria automotiva.

Os projetos de encadeamento tecnológico devem ser desenvolvidos em parceria com uma média ou grande empresa. Para ambas as modalidades, a execução ficará a cargo de uma Entidade de Ciência, Tecnologia e Inovação (ECTI), a ser contratada pelo Sebrae no estado do empreendimento. Haverá apoio a projetos de 24 estados brasileiros – Amapá, Roraima e São Paulo não aderiram ao edital.

O lançamento oficial do edital será na terça-feira (19), no Fórum Sebrae de Fomento à Inovação. Na ocasião, representantes de empresas e instituições debaterão o tema, em especial a inovação aberta – processo de criação de produtos a partir da integração de uma rede de atores, com o intuito de dar mais velocidade e escala às inovações.

Além de ajudar a tirar do papel essas propostas, Afif lembra que o Sebrae trabalha para mudar a legislação. “A regulamentação da atuação dos investidores-anjo acabou de ser aprovada pelo Senado”, diz, sobre pessoas com recursos que financiam diretamente empreendimentos em estágio inicial.

O edital – O prazo para a execução dos projetos é de 24 meses e o limite do subsídio é de R$ 120 mil por iniciativa, sendo obrigatória uma contrapartida financeira de até R$ 80 mil das selecionadas. No mínimo 20% dos recursos serão destinados a projetos das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, desde que alcancem a pontuação mínima no edital.

Empresas incubadas, graduadas, aceleradas ou finalistas do programa InovAtiva receberão 10% a mais na pontuação atribuída pela banca avaliadora. Para o secretário de Inovação e Novos Negócios do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Marcos Vinícius de Souza, o Edital Sebrae de Inovação pode ajudar muito as startups do InovAtiva no desenvolvimento de produtos em um momento de evolução da empresa em que os recursos são escassos e caros. “Queremos uma integração nos dois sentidos, para que startups aceleradas pelo InovAtiva submetam projetos ao edital, e que empresas selecionadas no edital participem nos próximos ciclos do InovAtiva”, destacou.

Share

Leia Também

Unidade da Sabor Latino será inaugurada no município de Morro do Chapéu

Fábrica de embutidos “Sabor Latino” inaugura unidade dia 16

Com expertise na produção de defumados há mais de 30 anos, a fábrica de embutidos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − três =

Share