Capa > Economia Baiana > Terminal Marítimo do Porto de Salvador terá espaço para eventos
O terminal ocupa uma área de 11 mil m², sendo 7.680 m² de área construída (Foto: Elói Corrêa/GOVBA)
O terminal ocupa uma área de 11 mil m², sendo 7.680 m² de área construída (Foto: Elói Corrêa/GOVBA)

Terminal Marítimo do Porto de Salvador terá espaço para eventos

Finalmente arrendado pela iniciativa privada após quase dois anos de incertezas, o Terminal Marítimo de Salvador, terá outra utilização durante o período em que não estiver recebendo as grandiosas embarcações que chegam até a capital no período de alta estação. A megaestrutura de vidro que serve como área de desembarque aos passageiros dos cruzeiros será utilizada como espaço de eventos.

De acordo com o diretor do Consórcio Novo Terminal Marítimo de Salvador (Contermas), Gilberto Torres de Menezes, o local possui estrutura, contando com ar condicionado central, banheiros, e salas que, no conjunto podem ser adaptadas, para sediar eventos como casamentos, formaturas, simpósios e encontros executivos de uma forma geral.

“Nós não queremos ficar dependendo apenas dos embarques e desembarques dos navios, e, como a estrutura fica desocupada durante uma parte do ano, queremos aproveitar sua estrutura para lhe dar uma utilidade”, explica Gilberto. O período em que o porto recebe as embarcações com maior freqüência tem início em outubro e se encerra em meados de março.

Estrutura – O terminal ocupa uma área total de 11 mil m², dos quais 7.680 m² de área construída, inclui uma esplanada com 3 mil m² que vai descortinar para Avenida da França e o mar da Baía de Todos os Santos, com a vista do Forte de São Marcelo. Nesta praça lateral, o objetivo é utilizá-la ao longo do ano inteiro com a realização de eventos de cunho cultural, como apresentações musicais, feiras e exposições.

De acordo com Gilberto de Menezes, o consórcio só começa a administrar o espaço efetivamente dentro dos próximos 60 dias. Assumindo a gestão do espaço, o Contermas dará início a apresentação do novo terminal às entidades do trade turístico e gastronômico da cidade, a fim de divulgar o espaço como um novo local para sediar eventos do pequeno e médio porte.

No entanto, o diretor do consórcio destaca que o local não tem a finalidade de substituir o Centro de Convenções da cidade que está situado no Stiep. “A estrutura do terminal pode ser adaptada para receber os eventos, mas não temos um auditório, nem um espaço adequado para receber uma convenção de grande porte”.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove + dois =

Share