Capa > Economia Brasileira > Grupo TPC adota sistema de comando de voz em seus armazéns
Grupo TPC

Grupo TPC adota sistema de comando de voz em seus armazéns

O Grupo TPC, uma das maiores empresas de logística do país, adotou uma nova ferramenta operacional em seus armazéns que permite aos funcionários separar os pedidos através de um sistema de voz. Chamado de voice picking, o sistema deixa de lado as digitações e a leitura de código de barras para dar lugar a um headset e comandos de voz (fone de ouvido e microfone). O investimento de R$ 1 milhão tem um motivo: a adoção da tecnologia representa uma economia de tempo de 25% no recolhimento dos produtos.

Já dentro do armazém, o operador insere o código do pedido e pergunta ao sistema qual produto deve coletar, a voz é transformada em dados e estes são enviados por wi-fi a um computador, no qual está instalado um programa de WMS (gerenciador de estoques).

Em seguida, o operador ouve um comando de voz eletrônico comunicando qual é a sua tarefa, com as coordenadas da localização do produto no armazém. Ao coletar, ele avisa o sistema, que lhe transmite uma nova ordem, sempre planejando a rota mais eficiente dentro do armazém.

Ferramenta – A ferramenta foi implementada no Centro de Distribuição Jaguaré, em São Paulo (SP), onde o Grupo possui uma área com 15 mil metros quadrados para operação de medicamentos. “Neste Centro de Distribuição são separadas 40 mil itens por dia. Decidimos por essa tecnologia a fim de trazer inteligência para armazenagem e agilidade nos processos. Investimos R$ 1 milhão para ter essa ferramenta e acreditamos que será um diferencial na entrega para o cliente”, explica Luis Chamadoiro, vice-presidente de logística geral do Grupo TPC.

Uma das principais vantagens é deixar o trabalhador com as mãos livres para operar maior rapidez e precisão, que traz aumento no nível do serviço prestado e redução de recursos à empresa. “Pode-se obter até 25% menos de tempo na coleta de produtos, o que nos torna mais competitivos e traz ganhos na produtividade”, completa Chamadoiro.

Share

Leia Também

Barros:  “A experiência nesse segmento nos proporcionou muito conhecimento, tornando os nossos processos bastantes maduros, estáveis e com alta produtividade"

Faturamento do Grupo TPC cresce 6% e atinge R$ 382 milhões

Em um ano desafiador como 2016, o Grupo TPC registrou resultados positivos e apresentou crescimento …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × dois =

Share