Capa > Economia Brasileira > Receita Federal já pôs na malha fina 716 mil declarações do IR
Quem precisar enviar ou retificar dados precisará esperar até segunda-feira (Marcelo Camargo/AG.Brasil)
Quem precisar enviar ou retificar dados precisará esperar até segunda-feira (Marcelo Camargo/AG.Brasil)

Receita Federal já pôs na malha fina 716 mil declarações do IR

Dos cerca de 28,2 milhões de contribuintes previstos para entregarem a Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física este ano, 716 mil já caíram na malha fina, disse hoje (29) o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid. Se forem incluídas declarações de anos anteriores, o total de declarações retidas chega a 800 mil.

Segundo Adir, as pendências costumam ser resolvidas em pouco tempo (José Cruz/AG. Brasil)
Segundo Joaquim Adir, as pendências costumam ser resolvidas em pouco tempo (José Cruz/AG. Brasil)

A partir de 15 de maio, o contribuinte poderá acessar o extrato da declaração no Centro de Atendimento Virtual da Receita Federal (e-CAC) para verificar pendências e erros no documento. O contribuinte que não tiver a declaração liberada poderá corrigir os dados por meio de uma declaração retificadora.

O supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir, disse que a maior parte dos casos de contribuintes incluídos na malha fina decorre de erros do contribuinte ou de divergências entre as informações da pessoa física e da fonte pagadora.

Segundo Adir, as pendências costumam ser resolvidas em pouco tempo e apenas uma pequena parcela de declarações permanece retida em anos posteriores. “Assim que o contribuinte faz a autorregularização, a análise costuma ser rápida”, afirmou.

Estatísticas – Até as 20h, a Receita tinha recebido 27.168.269 declarações do Imposto de Renda. Desse total, 15.706 tinham sido enviadas por contribuintes que estavam no exterior. A Receita também divulgou que o contribuinte mais velho a declarar IR em 2016 tem 97 anos.

O prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda acaba às 23h59min59s. Quem não enviar o documento pagará multa de 1% do imposto devido por mês de atraso ou R$ 165,74, prevalecendo o maior valor. A multa máxima pode chegar a 20% do imposto devido.

A partir da 0h, a entrega de declarações está suspensa. Quem precisar enviar ou retificar dados precisará esperar até as 8h de segunda-feira (2). A partir desse horário, o contribuinte também poderá começar a preencher o rascunho da declaração do Imposto de Renda de 2017. (Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil)

Share

Leia Também

Nesta sexta-feira (29), a prefeitura emparedou o Shopping 25 de Março  (Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil)

Receita apreende R$ 440 milhões em mercadorias em São Paulo

A Receita Federal apreendeu 880 toneladas de mercadorias irregulares, avaliadas em R$ 440 milhões, na …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − catorze =

Share