Capa > Economia Brasileira > Produção de petróleo da Petrobras se mantém estável
As novas vagas vão atender à demanda por pessoal das novas unidades de produção no pré-sal da Bacia de Santos  (Foto: Ag. Petrobras)
As novas vagas vão atender à demanda por pessoal das novas unidades de produção no pré-sal da Bacia de Santos (Foto: Ag. Petrobras)

Produção de petróleo da Petrobras se mantém estável

Cristina Indio do Brasil
Repórter da Agência Brasil

A produção média de petróleo da Petrobras no Brasil, em fevereiro, manteve o patamar do mês anterior e ficou em 2 milhões de barris por dia (bpd). Para a Petrobras, a continuidade das paradas programadas para manutenção em plataformas contribuiu para a estabilidade do volume produzido no período.

Também em fevereiro, o volume total de petróleo produzido no país, que inclui as demais empresas do setor, alcançou 2,335 milhões de bpd. O resultado representa queda de 0,8% inferior a janeiro, conforme dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A produção média de gás natural da Petrobras no país, sem incluir o volume liquefeito, atingiu 75,4 milhões de metros cúbicos por dia (m³/dia) no mesmo mês, o que significa a alta de 1,8% na comparação com janeiro (74,1 milhões m³/dia). Pelos números da ANP, a produção total de gás no país, ficou em 97,7 milhões de m³/dia. O que representa elevação de 0,5% em relação a janeiro.

Pré-sal – A produção de petróleo operada pela Petrobras na camada pré-sal teve um resultado melhor. Apresentou crescimento de 6,2% ao atingir média diária de 874 mil barris de petróleo por dia (bpd). Em janeiro tinha sido 822 mil bpd. De acordo com a companhia no dia 13 de fevereiro foi batido novo recorde diário de produção da empresa operada naquela província. O volume chegou a 954 mil bpd.

Na produção de petróleo e gás natural operada no pré-sal, a alta ficou em 6,1%, com 1,91 milhão de barris de óleo equivalente por dia (boe). Segundo a Petrobras, o volume é um novo recorde mensal. O anterior tinha sido em dezembro de 2015 (1,090 milhão de boed).

A produção média de gás natural da Petrobras no país, sem incluir o volume liquefeito, atingiu 75,4 milhões de metros cúbicos por dia

Conforme a companhia, a entrada em operação, em fevereiro, do navio plataforma Cidade de Maricá, instalado na área de Lula Alto, no campo de Lula, no pré-sal da Bacia de Santos foi determinante para o recorde. A unidade, do tipo FPSO (plataforma flutuante que produz, armazena e transfere óleo), tem capacidade de produzir até 150 mil bpd.

A Petrobras informou que, ainda este ano, mais dois grandes sistemas definitivos de produção estão programados para entrar em operação no pré-sal: o projeto Lula Central (FPSO Cidade de Saquarema) e o projeto Lapa (FPSO Cidade de Caraguatatuba).

No exterior – A produção de petróleo da Petrobras, também em fevereiro, no exterior alcançou 84 mil bpd. Isso significa queda de 8,4% em relação ao mês anterior quando foram produzidos 92 mil bpd. O motivo idenficado pela companhia foram as paradas para manutenção, já concluídas, das unidades de produção instaladas nos campos de Akpo, na Nigéria, e de Cascade e Chinook, nos EUA.

Ainda no exterior, a produção média de gás natural da Petrobras ficou em 16 milhões m³/d, que indica elevação de 3,5% sobre os 15,5 milhões m³/d produzidos no mês anterior. A causa, segundo a empresa foi a conclusão das operações de limpeza nas linhas de produção de Cottonwood, nos EUA, ocorrida em janeiro.

Leia Também

Bendine foi preso temporariamente hoje,  em São Paulo, na 42ª fase da Lava Jato (Foto: Cristina Indio do Brasil/Agência Brasil)

Ex-presidente do BB e da Petrobras é preso pela Polícia Federal

O ex-presidente da Petrobras Aldemir Bendine teria recebido ao menos R$ 3 milhões de propina …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze − 9 =